Acho que o Jardim da Cordoaria ficou feliz por receber tanta gente. Fizemos florir um jardim. Recebemos a visita de alguns amiguinhos. Houve também quem tenha resolvido tricotar, deixando assim os amigos mais alegres.  Houve quem viesse de longe. Houve quem retornasse.  Houve quem não tenha estado. Durante umas horas o jardim  encheu-se de mãos que tricotaramfiaram, crochetaram. Mas mais importante foram mãos que se juntaram e partilharam.

Para os preparativos deste dia contribuiram muitas mãos que nem sempre tricotam juntas, algumas que nem se chegaram a conhecer, mas que tornaram este dia muito especial.

E já sabem que podem sempre encontrar companhia para tricotar nos encontros mensais no grupo de Tricot do Porto e todas as quintas-feiras na Hora do Ponto.

Fotos e mais fotos aqui